she, who never flies away

Out and greenly afar
I am wind-bellowed.
Under my dreams possessed,
I am an only barren meadow.

The sand drops on everything
And I smile at the rest.
I am home to beaches of stone
Under my dreams unguessed.

I will not stop at your hand,
I will not stop at the Edge.
My feet will be there staking,
My feet will make me stand.

Now that I'm off the thick zest
And into a buzzing mortal scheme,
I take scissors to my seams
And stand under my dreams undressed.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s